Gestão de Negócios

Tecnologia em finanças: como e qual a importância para MPE’s?

dezembro 26, 2018
Tempo de leitura 4 min

A gestão de micro empresas pode parecer simples no início das operações, mas não se engane: ela tende a se tornar cada vez mais complexa na medida em que o empreendimento se desenvolve. Nesse ponto, muitos empreendedores falham, porque nem sempre conseguem acompanhar todos os dados e processos fundamentais para prevenir riscos e aumentar a lucratividade. Esse desafio pode ser melhor enfrentado com a tecnologia em finanças.

Softwares e ferramentas de gestão financeira são recursos necessários para o crescimento de qualquer empresa. Eles são estratégicos, pois geram dados importantes para o acompanhamento dos resultados e tomada de decisões. Além disso, automatiza processos, otimizando tempo e recursos investidos em atividades rotineiras. Mas as vantagens não se limitam a esses pontos. Neste artigo, vamos explicar qual é a importância da tecnologia em finanças e quais são seus benefícios para os pequenos negócios. Confira!

Quais são as vantagens da tecnologia em finanças para as MPE’s?

O pequeno empresário sabe que sobreviver em mercados cada vez mais competitivos é algo extremamente difícil. Para se ter uma ideia, mais de 60% das empresas brasileiras são encerradas antes de completar cinco anos, de acordo com levantamento feito pelo IBGE.

Existem diferentes fatores que contribuem para o fracasso. Um outro estudo, feito pelo Sebrae, aprofundou esses pontos e identificou as principais causas para o fechamento do negócio. Entre os motivos, os cinco mais citados são:

  • falta de capital/lucro;
  • encontrou outra atividade;
  • falta de clientes;
  • problemas de planejamento/administração;
  • problemas particulares.

A falta de capital e de lucro foi a razão mais mencionada pelos empreendedores que se viram forçados a fechar a empresa. A gestão financeira, portanto, é decisiva para a sobrevivência dos pequenos negócios. Mas fazer esse gerenciamento não é fácil.

O empreendedor precisa acompanhar as movimentações e os resultados financeiros diariamente. Isso envolve controlar o fluxo de caixa, fazer a gestão de recebíveis, apurar o lucro ou prejuízo, controlar e reduzir custos, fazer a conciliação bancária e de cartões, entre outros processos. Também é necessário avaliar a necessidade de investimentos e o retorno das aplicações feitas, além de antecipar-se às crises para poder enfrentá-las adequadamente.

A tecnologia em finanças tem se desenvolvido para simplificar essas etapas e, atualmente, já é possível melhorar o desempenho financeiro dos pequenos negócios por meio de softwares e aplicativos cada vez mais funcionais. Entenda as principais vantagens!

Controle das vendas em tempo real

Com a evolução dos meios de pagamentos, acompanhar as vendas em tempo real é fundamental. Isso porque os pagamentos podem ser feitos cartões de crédito ou débito, à vista ou a prazo, sendo processados e pagos por diferentes bandeiras. Manualmente, é difícil fazer esse controle com precisão. Os recursos tecnológicos, no entanto, conseguem fazer esse acompanhamento de forma automatizada. Basta apenas conferir os dados.

Aumento da produtividade

A automatização promovida pela tecnologia em finanças reduz processos, como o controle de vendas que citamos anteriormente. Além de outras tarefas que passam a ser feitas de forma automática, como registros e conferências. Por isso, esses recursos acabam elevando a produtividade, pois permitem que o empreendedor e seus funcionários possam se dedicar a atividades mais estratégicas, aumentando a produtividade do negócio como um todo.

Previsibilidade

A previsão de recebimentos é outra vantagem promovida pela tecnologia e consiste na apuração que deve ingressar no caixa da empresa. Saber quando entrarão recursos na conta e quais são os valores facilita a projeção do caixa e evita que a empresa fique descoberta inesperadamente.

Geração de dados estratégicos

Todos os controles que citamos até aqui e outros, como indicadores de lucratividade e estatísticas diversas, podem ser apresentados em relatórios gerenciais. Eles dão ao empreendedor a visão completa do desempenho do negócio, favorecendo a tomada de decisões.

Diminuição de perdas financeiras

Ao fortalecer todos os controles, fica mais fácil identificar onde estão ocorrendo perdas para que elas possam ser reduzidas. Essa é uma grande contribuição da tecnologia em finanças, pois garante que a empresa conseguirá agir antes que os prejuízos inviabilizem o negócio.

Em resumo, a tecnologia em finanças é uma aliada dos pequenos negócios, dando o suporte necessário para vencer as principais barreiras empresariais.

A tecnologia em finanças está sempre em evolução. Siga nossas redes sociais e acompanhe todas as novidades sobre esse e outros assuntos.

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário